10 de abr de 2008

Sala Verde do ISBA comemora Ano do Planeta Terra

Sala Verde do ISBA comemora Ano do Planeta Terra

Trabalhar a sustentabilidade na perspectiva planetária, partindo do princípio dos três Rs: reduzir, reaproveitar e reciclar. Com essa meta, o Instituto Social da Bahia, através do seu Espaço de Convivência Sala Verde, deu início as atividades de comemoração do Ano Internacional do Planeta Terra na escola. A iniciativa – instituída pela UNESCO – teve início no último dia 15 de março, quando foi realizada a primeira etapa das Oficinas de Educação Ambiental do ISBA. A etapa seguinte foi realizada no dia 29 de março, data em que se festeja o aniversário da capital baiana. Nessa oportunidade foi realizada a Conferência das Águas e Consumo Sustentável, atividade preparatória para a III Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, que ocorrerá em Brasília, no final do ano.

Durante os dois sábados, estudantes, familiares e colaboradores tiveram experiências de reciclagem com materiais diversos e, ao invés de aulas, oficinas com barro, papel, garrafa pet e todo tipo de “lixo” que pudesse ser reaproveitado. A segunda etapa das atividade ofereceu um bônus aos alunos da quinta-série, que tiveram a oportunidade de conhecer a experiência da Casa Sustentável – Projeto Espaço da ONG Gambá, localizado no bairro do Rio Vermelho.

Entre as oficinas com maior procura, estiveram a de barro e a de papietagem, resultando em peças que serão transformados em benefícios para as comunidades carentes atendidas pelo ISBA. As obras confeccionadas serão comercializadas durante a Feira da Solidariedade, atividade tradicional na escola que em sua última edição, por exemplo, levantou recursos para a finalização das obras do Núcleo de Atendimento Odontológico do Centro Comunitário da Baixa da Alegria (Vila Mattos, em Ondina). Em conjunto com a atividade, a escola também realizou uma campanha para doação de roupas, agasalhos, cobertores e alimentos não perecíveis, que também serão encaminhados para as comunidades carentes.

De acordo com a coordenadora de Educação Ambiental, Carla Circenis, os bons resultados alcançados nessa primeira fase das comemorações abrem uma perspectiva muito positiva para próximas realizações. “Até o final do ano, estaremos realizando inúmeras atividades que despertem a consciência ecológica e que incentivem o desenvolvimento de uma cultura de consumos responsável”, comemora a educadora.

Nenhum comentário: