25 de jan de 2012

Prorrogado prazo para submeter propostas ao VII Fórum EA

Domingo, 12 de fevereiro de 2012 é a nova data-limite para inscrever propostas de painéis, minicursos e oficinas no VII Fórum Brasileiro de Educação Ambiental  (VII FBEA), o maior evento do setor, que atrairá milhares de educadores, ambientalistas, estudantes e especialistas em educação ambiental para o Centro de Convenções de Salvador, entre 28 a 31 de março de 2011.
“Tivemos uma forte demanda para esse adiamento, pois janeiro é tempo de férias escolares em que muitos que virão ao Fórum estão viajando, sem condições de inscrever propostas”, justifica Tita Vieira, coordenadora geral do VII FBEA.
No caso de pôsteres, alerta ela, as inscrições são gratuitas, mas isso não isentará os aprovados da taxa de inscrição no evento – entre R$ 45 e R$ 85 (valores para o período 26/1 a 28/2), preço que dá direito a participar sem outros custos de todas as atividades do VII FBEA.
Já para proposições de minicursos e oficinas, a coordenação oferecerá uma inscrição gratuita por proposta aprovada. “Se forem vários autores, apenas um será agraciado”, especifica ela. Todas explicações e os formulários para inscrição podem ser encontrados AQUI.
Acrescenta o professor Luiz Afonso Vaz Figueiredo, coordenador desta área no VII FBEA, que a proposta deve se enquadrar em pelo menos um dos oito eixos temáticos eleitos no processo preparatório do evento, para abranger o amplo leque que caracteriza a Educação Ambiental hoje.
“Formamos um grupo de especialistas com grande conhecimento e experiência em Educação Ambiental, que será responsável pela seleção das propostas. Nosso principal desafio será espelhar – nos trabalhos escolhidos – a variedade de públicos, ambientes e  propostas em que a educação ambiental é desenvolvida no país.  Além do enquadramento temático, trabalharemos com o limite físico, de espaço máximo para a exposição, e o da qualidade dos trabalhos, que será avaliada. Felizmente, em todos fóruns conseguimos trazer um grande número de propostas”
Apoios e informações
Realizado pela Rede Brasileira de Educação Ambiental – REBEA (formada pela articulação de 45 redes e coletivos de educação ambiental no país), com a Rede Baiana de Educação Ambiental – REABA, e Instituto Roerich de Paz e Cultura do Brasil, o VII FBEA já conquistou o apoio institucional de três Ministérios – da Educação, do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Agrário -, além de órgãos estaduais – Secretarias Estaduais do Meio Ambiente, da Educação e do Planejamento -, da Itaipu Binacional, do CNPq e do SESC-BA.
Texto de Sílvia Czapski

Nenhum comentário: