4 de set de 2009

Brasília sedia o VI Encontro Nacional e Feira dos Povos do Cerrado, de 09 a 13 de setembro


Brasília se tornará palco da maior confraternização entre os povos e comunidades que habitam e conservam o Cerrado. Em sua sexta edição, o Encontro e Feira dos Povos do Cerrado acontecerá entre os dias 09 e 13 de setembro, no Memorial dos Povos Indígenas, em Brasília. O evento objetiva promover o intercâmbio de experiências entre os diversos povos que habitam e utilizam os recursos naturais do Cerrado de forma sustentável, além de apresentar a riqueza do bioma e alertar a sociedade brasileira sobre o crescente processo de degradação que o afeta.

O evento é dividido em dois eixos. Durante o Encontro, serão realizadas oficinas temáticas, painéis, seminários e debates acerca de assuntos inerentes ao Cerrado, seus povos e seus problemas, com a participação de autoridades e especialistas. A Feira, por sua vez, visa expor a diversidade de produtos e experiências em prol de um Cerrado sustentável, incentivando a divulgação e a comercialização de produtos advindos do bioma.

O VI Encontro Nacional e Feira dos Povos do Cerrado começa no dia 09/09, quarta-feira, quando as delegações dos Povos do Cerrado chegam a Brasília. Foram mobilizados mais de 1.300 participantes, representantes de mais de 500 organizações da sociedade civil e de base comunitária nos estados de Tocantins, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Bahia, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Piauí, Pará e DF.

A abertura oficial acontecerá no dia 10/09, quinta-feira, às 19h. Irão compor a mesa de abertura as seguintes autoridades e lideranças: Carlos Minc, Ministro do Meio Ambiente; Guilherme Cassel, Ministro do Desenvolvimento Agrário; Patrus Ananias, Ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome; Márcio Meira, Presidente da Fundação Nacional do Índio; Jacques Penna, Presidente da Fundação Banco do Brasil; Marina Silva, Senadora; Deputado Pedro Wilson, Deputado Federal; Braulino Caetano dos Santos, Coordenador Geral da Rede Cerrado; Hiparidi Top’Tiro, Coordenador Geral da Mobilização dos Povos Indígenas do Cerrado (MOPIC).

Também no dia 10/09, às 8h30, acontecerá uma audiência pública na Câmara dos Deputados, no Auditório Nereu Ramos. Durante a audiência serão discutidos o Monitoramento e o Plano de Prevenção e Combate ao Desmatamento no Cerrado e, também, o projeto de Emenda a Constituição do Cerrado e Caatinga - PEC Cerrado e Caatinga – que tramita na Câmara dos Deputados desde 1995.

Durante toda a programação do Encontro, serão realizadas oficinas temáticas, painéis, debates e seminários sobre assuntos inerentes às questões socioambientais do Cerrado. Dentre a programação de painéis do Encontro, destaca-se a realização do painel “Contexto socioambiental e econômico do Cerrado”, que acontecerá dia 10/09, quinta-feira, às 15h, e terá a participação da Dra. Mercedes Bustamante, do Instituto de Ciências Biológicas da UNB. A programação de oficinas temáticas é extensa, e ocupará todo o dia 12/09, sábado. As oficinas temáticas contarão com discussões como: O Cerrado na Mídia, Comissão Nacional de Política Indígena, O Rio São Francisco e seus povos, e Unidades de Conservação e Comunidades. Ao longo do evento, acontecerão, ainda, dois seminários: Código Florestal Brasileiro – Propostas e Polêmicas e Universidade e Comunidade.
Informações: http://www.povosdocerrado.com.br/
 

Nenhum comentário: